Saiba quais os cuidados fundamentais a serem tomados antes de se investir no mercado de franquias

Redator MDS FranchisingPor Redator MDS Franchising   |Comprar Franquia
Equipe Editorial MaisFranquia.com

Publicado em 11 de maio de 2015  |  Atualizado em 3 de maio de 2018

mercado-de-franquiasO mercado de franquias é realmente promissor e, mesmo diante de dificuldades econômicas, ainda assim representa uma forma segura de investir na independência financeira, especialmente para novos empreendedores. No entanto, antes de apostar todas as suas fichas, recursos e esperanças, é preciso tomar alguns cuidados.

Atenção! Escolha o modelo de franquias certo para você

Nem sempre o negócio que está na moda, o mais popular ou o que oferece maiores chances de lucro é a opção certa para você. O ponto de partida principal para iniciar sua franquia não deve ser o lucro, ou o mercado, mas sim seu grau de identificação com o negócio.

Isto porque até mesmo a franquia mais rentável do mundo pode vir à falência quando mal gerida ou administrada por alguém que esteja infeliz ou que não se identifique por completo com o seu modelo.

Planeje seu investimento financeiro

Alguns empreendedores de primeira viagem acreditam que, para iniciar uma franquia, basta ter o capital inicial solicitado para começar o seu negócio. Mas não é bem assim.

Embora a viabilidade financeira seja um dos requisitos fundamentais para o mercado de franquias, ela não está limitada ao capital inicial. É preciso possuir recursos para cobrir outras despesas iniciais, como taxa de franquia, fluxo de caixa inicial e despesas com aluguel, por exemplo.

Além disto, o empreendedor precisa possuir reservas para cobrir eventuais despesas nos primeiros meses de operação, pois isto garantirá maior segurança e tranquilidade.

Analise bem o modelo de gestão da franquia

Apesar de a franquia ser sua, há grandes diferenças entre este modelo e um negócio próprio criado do zero. Você precisa estar pronto para obedecer a regras e determinações do franqueador e disposto a manter o padrão da rede.

Para desfrutar de uma das maiores vantagens do mercado de franquias – o know-how do franqueador-, é preciso se identificar e aceitar as regras. Por isto é importante conhecê-las bem.

Caso você prefira gerenciar do seu jeito ou encontre muitas características divergentes do seu ponto de vista, ser um franqueado pode não ser o melhor caminho para você. Logo, reveja seus planos profissionais.

Mapeie o mercado ao seu redor

Após a seleção cuidadosa do modelo de franquia, análise da gestão e estudo de viabilidade financeira, você já deverá ter elegido a sua franquia dos sonhos, mas a caminhada não para por aí. Agora é preciso conhecer mais a fundo o mercado e o público desta marca.

Além dos dados fornecidos pelo franqueador, faça pesquisas independentes. Avalie bem as opções de locais para a abertura da sua franquia, conheça a quantidade de lojas da mesma rede e também de concorrentes, para ter certeza sobre a realidade que lhe aguarda.

Outra dica importante é frequentar lojas concorrentes e avaliar seus pontos fortes e fracos. Sempre materialize estas avaliações e as utilize para desenvolver estratégias ainda melhores, para atrair e fidelizar seus clientes.

Esteja disposto a trabalhar

Algumas pessoas cometem um grande erro acreditando que para abrir uma franquia basta apenas investir o capital e assinar a documentação necessária junto ao franqueador, podendo, em seguida, delegar a gestão do negócio a outras pessoas.

Muita calma nesta hora. Embora seja possível delegar responsabilidades, a presença do franqueado não é dispensável. Como ele é quem recebe todo o treinamento e é responsável direto pela comunicação com o franqueador, sua presença para transmitir o conhecimento adquirido, acompanhar e checar os padrões de qualidade, é essencial para o sucesso.

conteúdo em primeira mão

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade