Empreendedorismo na prática – O guia completo de como montar seu próprio negócio e ser bem-sucedido

Redator MDS FranchisingPor Redator MDS Franchising   |Comprar Franquia
Equipe Editorial MaisFranquia.com

Publicado em 26 de dezembro de 2017  |  Atualizado em 14 de janeiro de 2018

empreendedorismo

Empreendedorismo é um dom e um ato de coragem que poucas pessoas têm, pois não depende apenas de possuir o dinheiro necessário para investir no próprio negócio.

Para tanto, você precisa ter a expertise necessária no segmento em que pretende atuar e se suprir das melhores informações possíveis.

Neste artigo iremos abordar algumas dicas de como ser bem-sucedido no empreendedorismo antes, durante e depois do processo de escolha e início da operação de seu negócio.

5 dicas do que fazer antes de iniciar o seu negócio: avaliando as possibilidades de empreendedorismo

1. Acredite no seu potencial e defenda a sua causa empreendedora

Optar pelo empreendedorismo em um país como o nosso não é tarefa das mais fáceis. Todavia, não é isso que vai fazer você desistir dos seus objetivos, correto?

Porém, você tem que ter em mente que terá que encarar impostos altíssimos, dificuldades para obtenção de crédito, falta de qualificação das pessoas, pouca cultura empreendedora.

Tenha consciência das batalhas que você precisará travar, mas siga em frente com muita garra e procure se especializar sempre.

2. Estude, estude e estude: empreendedorismo envolve alto grau de conhecimento do seu mercado

Estude, estude e estude: empreendedorismo envolve alto grau de conhecimento do seu mercado

Não caia no erro de achar que empreendedorismo é apenas abrir um negócio e esperar de braços cruzados com que as coisas aconteçam.

Você terá o grande desafio de desenvolver a sua marca, seus produtos e conquistar a sua clientela.

Por isso, leia, faça cursos, faça muitos contatos e esteja presente em todos os eventos, encontros, palestras, seminários e workshops que possam agregar conhecimento para você e para a sua empresa.

3. Aja com serenidade e agilidade para encontrar o melhor modelo e estratégia de negócio

Ansiedade é uma característica muito presente em empreendedores de primeira viagem. Por isso, aja com serenidade contendo seus impulsos e dê os passos certos no momento certo.

Empreendedorismo seja no Brasil, ou em qualquer lugar do planeta, não é tarefa simples. Por isso, você precisa definir o seu modelo de negócio para conseguir definir a sua estratégia, o seu plano de voo. Lembre-se: uma coisa de cada vez.

4. Afinidade com o segmento em que pretende atuar é fundamental para o sucesso no empreendedorismo

Não vá pelo caminho de empreender num segmento que não tem nada a ver com as coisas que você acredita e que possua características que não te atraiam.

Independentemente se esse ou aquele segmento seja o mais lucrativo do momento, o ideal é você investir numa área que combine com o seu estilo de vida e com as coisas em que você acredita.

Existe muito mais possibilidade de você crescer quando há amor e atração por alguma coisa. É claro que nada te impede de seguir por outro caminho (e também você tem todas as chances de ser vencedor), mas você encontrará uma via bem mais motivadora se houver afinidade total.

5. Atitude e postura

atitude e postura

Sua atitude e sua postura mostram quem realmente você é e o que se pode esperar da sua pessoa. O empreendedor não fica parado no ponto esperando todas as respostas e soluções caírem do céu.

Ele vai atrás daquilo que acredita e mantém sempre uma postura ativa e otimista, pois disso depende o sucesso nos negócios.

Não é nada fácil largar tudo e investir em algo que seja somente seu; por isso, deixe de lado as coisas que só vão agregar negativismo e lentidão. Suas conquistas dependem da sua atitude e da sua postura.\

3 dicas do que fazer durante a estruturação do seu negócio: empreendedorismo começando a “ganhar forma”

Passada a fase inicial, de avaliação do seu próprio perfil e das possibilidades de segmentos a atuar, chega-se na fase de estruturação do negócio.

Confira agora dicas de que irão te ajudar nesta importante fase. A fase de estruturação é, sem dúvida, a fase mais importante para aqueles que estão empreendendo.

Ela é como se fosse, nada mais nada menos, do que alicerce, as vigas estruturais que irão sustentar seu futuro empreendimento. Qualquer erro cometido nesta fase, pode colocar tudo a perder.

1. Procure parcerias e encontre um sócio

Empreender sozinho é uma tarefa árdua, mas não impossível. Todavia, avalie a possibilidade de trazer para perto de si uma pessoa que sonhe as mesmas coisas que você.

Com isso, as obrigações, os gastos e as vitórias serão divididos. Vai ser muito difícil realizar sozinho todas as obrigações que uma empresa requer. E mais: não necessariamente o seu sócio tem que ser o seu melhor amigo.

Existem pessoas que não sabem separar o pessoal do profissional e isso se torna um veneno para o futuro do seu empreendimento. Escolha o seu sócio baseado na confiança e na capacidade que essa pessoa tem de arcar com as necessidades e obrigações do negócio.

2. Defina quem realmente é o seu público e tenha a capacidade de ceder

Saia do campo das ideias e coloque a mão na massa. Você já sonhou bastante; agora é hora do empreendedorismo na prática.

Para isso, você precisa definir e entender quem exatamente é o seu público de interesse e o que ele realmente precisa.

A partir daí você vai poder gerar um diferencial competitivo e vai canalizar suas energias para os alvos que dão retorno.

E, não esqueça: abra mão de preciosismos. Agora que você está prestes a se tornar um empresário e tem que saber ceder e abrir mão de certas convicções, se estas forem opções negativas para o sucesso da sua empresa. Separe o pessoal do profissional.

3. Pesquise quem serão seus concorrentes e acompanhe todos os passos deles

pesquise quem serao seus concorrentes e acompanhe todos os passos deles

Analisar as ações dos seus concorrentes não é uma tarefa desleal. É uma ação comum que todas as empresas realizam e, muitas delas, vivem em função das atitudes dos outros; são puramente reativas.

Você tem que fazer as duas coisas: pesquisar quem serão seus concorrentes e analisar os passos que eles estão dando. Fique muito atento a qualquer mudança de direção tomada por eles, pois isso pode também representar uma mudança de direção no seu futuro negócio.

Esteja em constante transformação e fique atento às tendências do mercado. Em alguns segmentos encontra-se tantos concorrentes que você precisa chamar a atenção do seu público de alguma forma.

6 dicas do que fazer após a abertura do seu negócio: empreendedorismo, agora, para valer!

Planejamento feito, chegou a tão esperada hora de colocar em prática tudo aquilo que foi idealizado, para então chegar aos tão sonhados resultados de que se espera.

Confira 6 importantes dicas do que fazer quando esta importante fase chegar:

1.Comece pequeno e trabalhe duro para crescer

Muita gente acredita que irá trabalhar menos tempo ao ser dono do seu próprio negócio. Pelo contrário! O tempo dedicado será maior.
Porém, se você trabalhar duro, crescerá gradativamente e alcançará o seu objetivo. Se você seguiu as nossas dicas referentes às fases anteriores e está com disposição para trabalhar incansavelmente, você certamente terá sucesso no empreendedorismo.

2. Tenha foco e dedicação ao negócio

tenha foco e dedicação ao negócio

Foco e dedicação total é fundamental para manter o negócio de pé frente às dificuldades que poderão surgir. A falta de afinidade, somada a dedicação insuficiente levará o empreendedor a desistir diante das primeiras dificuldades.

Por essa razão, é importante escolher um segmento que realmente tenha a ver com o seu perfil para que você se sinta mais motivado a reagir, se dedicando ainda mais (o famoso 110%), caso algo não saia inicialmente como planejado.

3. Prepare-se para errar e reagir

Não seja inocente a ponto de achar que, por mais preparado que você esteja, que você nunca vai cometer um erro.

Erros quando descobertos e corrigidos rapidamente têm a capacidade de nos desafiar e nos impulsionar para viradas importantes.

Todavia, muito mais importante do que saber que em algum momento você vai errar, é estar preparado para reagir imediatamente para corrigir o erro e evoluir.

4. Zele pela saúde financeira de sua empresa

Ao fechar o caixa no fim do dia, deixe sua necessidade de atender a desejos pessoais para mais tarde.

Lembre-se da importância em não comprometer o seu fluxo de caixa e assim não precisar recorrer a empréstimos de instituições financeiras. Fuja sempre das altas taxas de juros!

5. Gaste certo

gaste certo

As finanças são a parte mais complicada e que derruba muitos empreendedores, pois muitas pessoas não têm controle com aquilo que investem e compram errado.

Adquirem quantidades exageradas, buscam fornecedores que não apresentam boas condições de preço e pagamento.

Por isso, é importante que você contrate um profissional que te auxilie nas finanças e que te dê um suporte nessa área fundamental da sua vida empreendedora.

6. Trabalhe sempre com produtos e serviços de qualidade

De nada adianta uma oportunidade para se lançar no empreendedorismo se não for para oferecer produtos e serviços de qualidade.

O resultado disso é que seus clientes irão fugir para a concorrência em busca de melhor qualidade ou de menor preço.

Nesse caso, preço será o único quesito pelo qual você poderá competir. Isso poderá ser desastroso no longo prazo.

Conclusão

Ufa, quantas dicas valiosas! Empreendedorismo pode parecer um tanto quanto complexo, mas extremamente recompensador para quem o faz com afinco e amor.

Se você se propor a seguir por este caminho faça dele um objetivo de vida e trabalhe incansavelmente, desta forma, o seu sucesso será apenas questão de tempo.

conteúdo em primeira mão

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade