Em vias de adquirir a sua franquia? Saiba quais os perfis de funcionários devem ser evitados

Redator MDS FranchisingPor Redator MDS Franchising   |Comprar Franquia
Equipe Editorial MaisFranquia.com

Publicado em 25 de novembro de 2014  |  Atualizado em 29 de março de 2018

funcionariosSelecionar bem os funcionários é uma das preocupações mais importantes para um empreendedor que está prestes a tornar real o sonho de adquirir sua franquia.

A escolha da sua primeira equipe deve ser feita com muito cuidado. Assim como você, todos farão parte de um time pioneiro e quanto mais alinhada e unida estiver a equipe, maiores as chances de sucesso.

Embora a maioria dos detalhes comportamentais dos funcionários só sejam revelados com a convivência, desde o momento da seleção, o novo franqueado deve manter à vista uma lista com características absolutamente dispensáveis.

Como o sucesso do seu negócio também depende do desempenho da equipe, confira abaixo, os 7 perfis de funcionários a evitar para conseguir prosperar em sua primeira franquia.

1. O Pinóquio

Não há nada pior que um grande mentiroso. Normalmente estes funcionários apresentam sinais desde o início. Com uma imaginação fértil, eles são muito criativos e formulam muitas histórias para dar justificativas constantes.

Permitir a permanência deste perfil junto a sua equipe pode contaminar os demais e fazer com que a credibilidade de sua franquia comece a ruir já no início, pois sequências de mentiras respingam na imagem interna e externa da empresa.

2. O lobo em pele de cordeiro

Tão perigoso ou mais nocivo que o mentiroso, funcionários com este perfil aparentemente assemelham-se a santos, mas fora das vistas do patrão, podem conduzir sua franquia a um colapso.

Normalmente eles semeiam intrigas, reclamam do trabalho e da empresa de forma velada. Não são transparentes com seus gestores e podem cultivar maus sentimentos entre a equipe.

Este perfil é passível de correção desde que seja encontrado logo e o gestor se comunique sempre clara e objetivamente com todos os funcionários. Priorize o feedback e acompanhe sua equipe sempre de perto.

3. A cigarra

Como no conto da “Cigarra e a formiga”, estes funcionários são aqueles que se aproveitam do trabalho alheio. Se relacionam com a empresa pondo todos os afazeres como prioridade e trabalhando apenas nas horas vagas.

Não permita que sua franquia cultive um exército de cigarras. Desafie sempre seus funcionários e estimule a apresentação de resultados de forma competitiva e sadia.

4. O zangado

Mal humor sem dúvidas contagia, por isto, combata funcionários zangados cultivando um clima positivo e colaborativo em sua franquia. Pessoas mais felizes sentem prazer em trabalhar e contagiam quem estiver por perto: clientes e colaboradores.

5. O certinho

Ter ética no ambiente de trabalho é fundamental, mas funcionários “super-corretos”, inflexíveis e que agem como fiscais do trabalho alheio, mesmo quando não têm esta responsabilidade também são figuras nocivas.

Avalie o desempenho da sua equipe constantemente e, ao identificar estes traços de personalidade, interaja diretamente com estes funcionários. Ressalte seus pontos positivos e estimule-o a aprimorar características como a resiliência.

6. O atrasado

Disciplina é fundamental para todos os negócios, por isto, não abra mão da pontualidade. Funcionários que não respeitam horários de chegada, registros de ponto, não obedecem intervalos como o almoço, nem cumprem prazos para entrega de seus compromissos merecem atenção.

Assim que perceber este padrão de comportamento, corrija, antes que seja tarde demais, pois atitudes erradas quando não corrigidas a tempo, espalham-se como um vírus.

7. O sem noção

Este, sem dúvidas, é o tipo mais comum entre os funcionários. Muitas vezes simpático e carismático, é aquele que não mede palavras e diz tudo o que pensa em alto e bom tom. Ás vezes sonoro demais, abusa de gírias, palavrões, julgamentos e opiniões sobre os outros.

Completamente inconveniente, ele pode constranger os demais funcionários e desestruturar a equipe de sua franquia. Percebendo já na entrevista, dispense-o e se identificar somente após a seleção, não deixe de corrigir esta postura o mais breve possível.

conteúdo em primeira mão

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade