Aspectos intangíveis da marca em redes de franquias: pare já de negligenciá-los e proteja o seu bem mais precioso

Rafael MarinhoPor Rafael Marinho   |Vender Franquia
Diretor de Marketing na MDS Franchising

Publicado em 22 de junho de 2018  |  Atualizado em 21 de junho de 2018

aspectos intangíveis da marca

Aspectos intangíveis da marca: saiba como não dar a devida atenção a fatores como reputação e endosso podem ser um tremendo “tiro no pé” na hora de proteger o bem mais precioso da sua empresa, a marca.

Reputação e endosso da marca no Franchising é de extrema importância, pois aqui, a marca, como em qualquer negócio, tem que trazer benefícios para a empresa.

O Franchising vive é disto: marca pura. A grande maioria dos franqueadores habitualmente vêem os seus negócios mais com o foco nos atributos dos produtos, e nos benefícios que proporcionam a seus clientes.

Contudo, na hora de competir por franqueados, não é só esses aspectos tangíveis que contam.

O poder dos aspectos intangíveis da marca

Os aspectos intangíveis têm também valores que são considerados pelos candidatos à franquia. Neste sentido, inclui-se aspectos determinantes, como a reputação, endosso, liderança e prestígio da marca no mercado.

Como a marca precisa ser reconhecida pelo público – seja ele consumidor ou potencial candidato à franquia –, os investimentos feitos em comunicação, divulgação e uso do logotipo conferem maior poder à rede.

A marca é um dos meios de obtenção de lucro, por isto, todo projeto ligado à marca tem que ser levado a sério.

Vale lembrar ainda que, trabalhar a marca, com foco em seu diferencial competitivo, é fundamental, especialmente porque hoje o acesso às tecnologias e a igualdade de recursos tornam determinados produtos e serviços mais fáceis de serem copiados.

Toda empresa franqueadora deve ser construir grandes diferencias, principalmente em cima dos aspectos intangíveis, porque sabemos que é muito difícil para a concorrência copiar a cultura de uma empresa e todos aspectos a esta intrínsecos.

Explicite a seus franqueados, desde o início, a importância dos aspectos intangíveis

Os franqueados precisam entender bem o porque de explorar os aspectos intangíveis de seu negócio.

Em primeiro lugar, porque eles não podem criar novos produtos ou introduzir novos serviços, sem a prévia aprovação do franqueador, pois estão sujeitos ao padrão da franquia, que tem o objetivo preservar a identidade e operação na rede.

Ou seja, o que é tangível o franqueador já trabalhou antes; outros enriquecimentos e inovações cabem também mais a ele.

Reputação e endosso: o franqueado como guardião da sua marca

franqueado como guardião da sua marca

Ao franqueado cabe preservar a reputação da marca zelando pelo alto padrão de qualidade da franquia, cuidando bem dos clientes para fazer com que eles se tornem fãs de sua marca, gerando o tão importante endosso, que nada mais é do que falar bem da sua marca para outras pessoas.

Mesmo com o crescente número de ferramentas digitais que medem a satisfação dos clientes, podemos, ainda, dizer reputação e endosso são aspectos intangíveis, ou seja, que não podem ser facilmente mensurados.

Pode-se também dizer que não são aspectos obtidos da noite para o dia. Em muitos dos casos, são construídos ao longo de anos e ajudam a compor o know-how do franqueador e respaldar o valor do conjunto de benefícios oferecidos aos franqueados.

Logo, compete ao franqueado, mediante orientação e treinamento prévio da franqueadora, atuar como uma espécie de guardião da marca.

Treine seus franqueados para satisfazer, também, as necessidades emocionais dos clientes

Ter como meta o estabelecimento de bons relacionamentos com os clientes deve ser a primeira e constante preocupação do franqueador, e de todos os franqueados da rede. Para administrar estes elementos a franquia necessitará contar com o apoio de especialistas.

Todo franqueado é responsável pelo desenvolvimento da “fidelidade emocional” do cliente com a marca.

Para crescer com sua marca, conquistar um público fiel e tornar o seu varejo altamente competitivo, é fundamental que o seu franqueado saiba identificar e trabalhar, de forma dedicada, na criação de valor para a marca.

Para isso, ele deve buscar satisfazer as necessidades emocionais dos clientes, e manter em alta a credibilidade da empresa, dos produtos e serviços por ela prestados.

Capacitação e envolvimento como motor da motivação de franqueados

Para que seus franqueados se tornem verdadeiros guardiões da sua marca é fundamental que a sua empresa, enquanto franqueadora, os capacite e os envolva.

Capacitação nada mais é do que treinamentos periódicos para levar conhecimento e atualizações. Já o envolvimento, diz respeito a dar a oportunidade aos franqueados de participar de decisões que das quais eles sejam parte interessada.

Apesar destes aspectos serem considerados tangíveis, exercem influência direta na motivação dos franqueados e na consequente reputação e endosso.

Atrelado a estes aspectos, está a capacitação e envolvimento, fundamental para qualquer rede de franquias que almeje franqueados satisfeitos e promotores da marca.

Capacitação e envolvimento são aspectos que devem ser tratados como processos, não só em empresas franqueadoras, como em qualquer empresa, pois são eles o motor da motivação, seja ela de colaboradores e/ou franqueados.

Conclusão

Enfim, o Franchising é um sistema em que os produtos e/ou serviços são movidos pela marca e por apaixonados pela marca – os franqueados e seus clientes.

Portanto, para bem compreender este grupo, é necessário identificar suas fontes de satisfação e insatisfação, e ensinar a cada franquia a desenvolver e atender bem a cada cliente para torna-los não só fiéis à marca, como promotores dela.

conteúdo em primeira mão

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade